"Diga sim à vida, abandone todos os nãos possíveis". (Osho)


Gabriela, nossa filha de 9 anos, tem uma doença genética, uma gangliosidose, ela é neurodegenerativa, grave, severa e fatal. A doença chama-se SANDHOFF, e é semelhante a doença de tay-sachs. Lutamos dia a dia pela vida da nossa filha e jamais vamos desistir. Minha força vem de um Deus que faz milagres. Minha fé está além do impossível.

Luciana

16 de maio de 2011

Apenas mãe

Jamais tive a pretenção de ser a melhor mãe do mundo, ou de que minha filha fosse a mais educada e perfeita. Não! Desculpem mas a verdade é que nunca pensei que isso fosse possível em uma criança.
Sonhei apenas com minha filha correndo pra me abraçar quando me visse chegar do trabalho, sonhei ainda que a levaria para o ballet, que tomaríamos sorvete juntas que ela faria birra por querer aquele carrinho motorizado da Barbie. Sabe.. uma vida comum? Foi essa que planejei pra nós!
Sou mãe... apenas mãe... 
Mãe que desde sempre cultivou o desejo de ser mãe!!
Então pode-se dizer que sou realizada, plenamente, completamente, SOU mãe, achei que teria a missão de ensinar, mas com minha filha eu simplesmente aprendi, e aprendo todos os dias. Sempre soube que a amaria desde de meu ventre, desde o primeiro pulsar de seu coração ouvido por mim que me fez chorar tanto, mas jamais imaginei o que significava a palavra AMOR tão pequena, mas tão intensa, repetida tantas vezes, pelos motivos mais banais até os mais importantes e decisivos. AMOR, MÃE, palavras pequenas, e de significados grande, intenso, pleno e absoluto.
Meu ventre foi abençoado, Deus permitiu gerar você filha!
Não sou uma mãe perfeita, estou muito longe dessa definição. Mas sou uma mãe que sofre, que chora, que comemora, que ri, que briga, que insiste, que desiste, que se orgulha, que se decepciona, que ama.
Mãe que não tem hora pra dormir, mas sabe que vai acordar a qualquer momento, na madrugada seja por uma dor ou febre, ou para sentir sua respiração quente e seu coração bater. Eu choro de orgulho também! Me orgulho quando vejo minha filha superando seus limites, quando a vejo lutando com tanta coragem para se manter VIVA e forte, me orgulho por ter você, me orgulho por ser teu anjo aqui. Você me fez conhecer tantos caminhos, me faz querer ser como você forte gigante guerreira. 
Quero sempre segurar sua mão, sem deixa-la escapar pelos dedos, quero sempre lutar com você, oferecer minha vida em troca da sua. Vou estar com você em todos os momentos e por todo o caminho, pois você que sem andar me guia e me faz seguir com passos firmes. Eu te carreguei em mim, te alimentei com meu próprio corpo, te dei à luz, e hoje em tantos momentos queria te voltar pra dentro do meu ventre e te fazer protegida deste mundo que as vezes é tão feio e dolorido. Hoje tento te segurar no colo e fazer você sentir que esta protegida de tudo. Sofro a cada fase nova, mas vibro também com suas conquistas. Sou imperfeita, e tento cumprir minha missão (que na verdade parece ser mais sua) da maneira mais digna possível, com limitações e dificuldades.
Eu te amo minha filha, incondicionalmente, unicamente, eternamente.

3 comentários:

Anônimo disse...

Deus está segurando nas mãos dessas mães e nas mãos da Gigi e Gabi. Não tenham medo, a cura vai chegar. Fiquem com DEUS.

Dalva

Unidas Pela Vida disse...

Dalva a cura virá temos fé!! em nome de Jesus, bjsss obg querida!!

cristiane disse...

NAO SE PREOCUPEM MAES,TEM MUITA GENTE INTERCEDENDO POR ESSES ANJINHOS,SO ENTRANDO EM SEU BLOG, VENDO A HISTORIA DELAS, EU ME EMOCIONEI.
JA ME APAIXONEI POR ELAS SEM CONHECE-LAS.
DEUS SABE DE TODAS AS COISAS.
DE UMA COISA E CERTA,SO DEUS PODE AJUDAR.
NOS AQUI TENTAMOS COM ORAÇOES E PALAVRAS CONFORTANTES,MAIS DEUS CONHECE O INTERIOR DE CADA UMA DE VOCES.
SEJE SINCEROS EM TUDO,QUE DEUS VAI FAZER SUA VONTADE.

SOS Gabi !

Amigos, familiares, O estado da Gabi nesses últimos meses foi de uma intensa diarreia (em torno de 24 evacuações/dia)  devido aos anti...